Prédio do TJMG corre risco de desabar e funcionários decidem paralisação

0
263

Os servidores do Tribunal de Justiça de Minas Gerais decidiram, nesta quarta-feira, paralisar as atividades até que um laudo técnico comprove que o prédio ocupado por mais de 200 funcionários das Varas de Fazenda pública e Autarquias de Belo Horizonte não corre risco de desabar. O excesso de peso e o mau estado de conservação do prédio provocaram infiltrações e rachaduras nas paredes.

Leia na reportagem de O TEMPO. http://www.otempo.com.br/noticias/ultimas/?IdNoticia=145229