Preços de imóveis caem 0,23% no 1º semestre

0
544
Os preços de imóveis tiveram recuo de 0,15% entre maio e junho de 2017
Os preços de imóveis tiveram recuo de 0,15% entre maio e junho de 2017
 O Índice FipeZap acumula queda de 0,23% nos preços de imóveis no primeiro semestre de 2017

Os preços de imóveis caíram 0,23% no primeiro semestre de 2017, segundo o  Índice FipeZap, calculado pela Fipe em parceria com o ZapImóveis, e  que acompanha o preço de venda de imóveis residenciais em 20 cidades brasileiras. O índice apresentou recuo de 0,15% entre maio e junho de 2017. Trata-se do quarto mês consecutivo com redução nominal de preços no ano, resultando em uma queda nominal de 0,23% em 2017.

Coincidentemente, segundo informações atualizadas do Boletim Focus do Banco Central, a inflação esperada* (IPCA/IBGE) para o mês de junho também é de -0,15%, enquanto no ano, a variação do IPCA/IBGE é de +1,27%.

Individualmente, 13 das 20 cidades pesquisadas apresentaram recuo nominal no preço de venda entre maio e junho, com destaque para São Caetano do Sul (-0,76%), Distrito Federal (-0,60%) e Rio de Janeiro (-0,49%). Já entre as 7 cidades que registraram aumento nominal de preço no período, as maiores variações foram observadas em: Santos (+0,61%), Fortaleza (+0,57%) e Florianópolis (+0,51%).

Considerando os últimos 12 meses, o Índice FipeZap registra alta de 0,31%, face à inflação acumulada de +3,08% para o período. Nesse horizonte de análise, 9 das 20 cidades pesquisadas apresentam recuo nominal no preço de venda, com destaque para: Niterói (-2,51%), Rio de Janeiro (-2,17%) e Distrito Federal (-1,92%). Por outro lado, entre as cidades que registraram elevação nos preços de venda, apenas em Belo Horizonte (+6,65%) e em Florianópolis (+3,16%) os aumentos superam a inflação acumulada nos últimos 12 meses (+3,08%). Como resultado, o preço médio de venda acumula queda real de 2,69% nos últimos 12 meses*.

Valor médio do metro quadrado

Em junho, o valor médio de venda dos imóveis residenciais nas 20 cidades monitoradas foi de R$ 7.668/m2. Rio de Janeiro se manteve como a cidade com o m2 mais caro do país (R$ 10.082), seguida por São Paulo (R$ 8.680) e Distrito Federal (R$ 8.385). Já as cidades com menor valor médio por m2 foram Contagem (R$ 3.526), Goiânia (R$ 4.127) e Vila Velha (R$ 4.654). Veja abaixo.

Preços de imóveis por metro quadrado em junho, segundo o Índice FipeZap
Preços de imóveis por metro quadrado em junho, segundo o Índice FipeZap