Preços da Construção Civil sobem 0,31% em fevereiro

0
223
Tribunal de Justiça de Minas Gerais suspendeu o aumento de 150% no ISSQN em BH
Tribunal de Justiça de Minas Gerais suspendeu o aumento de 150% no ISSQN em BH

O Índice Nacional da Construção Civil (Sinapi), calculado pelo IBGE em convênio com a Caixa Econômica Federal, apresentou variação de 0,31% em fevereiro, ficando 0,28 pontos percentuais abaixo da taxa de janeiro (0,59%). Em relação a fevereiro de2011 (0,39%), a diferença foi de 0,08 pontos percentuais. O resultado dos últimos 12 meses foi de 5,90%, abaixo dos 5,98% registrados nos 12 meses imediatamente anteriores. Considerando os dois primeiros meses do ano o índice ficou em 0,90%,superior a igual período do ano anterior (0,66%).

O custo nacional da construção, por metro quadrado, que em janeiro havia sido R$ 814,43, em fevereiro passou para R% 816,96, sendo R$ 446,17 relativos aos materiais e R$ 370,79 à mão de obra.

A parcela dos materiais apresentou variação de 0,09%, subindo 0,22 pontos percentuais em relação ao mês anterior (-0,13%), enquanto a mão de obra teve menor crescimento, indo de 1,47% em janeiro para 0,58% em fevereiro.
Os acumulados em 12 meses foram: 11,20% (mão de obra) e 1,86% (materiais).

Esses resultados são calculados mensalmente pelo IBGE através de convênio com a CAIXA – Caixa Econômica Federal, a partir do SINAPI – Sistema Nacional de Pesquisa de Custos e Índices da Construção Civil.

O SINAPI, criado em 1969, tem como objetivo a produção de informações de custos e índices de forma sistematizada e com abrangência nacional, visando a elaboração e avaliação de orçamentos, como também acompanhamento de custos. O SINAPI pesquisa mensalmente em todas as capitais dos estados brasileiros os preços de materiais e equipamentos de construção, além de salários das categorias profissionais de estabelecimentos comerciais, industriais e sindicatos da construção civil.

Leia aqui  os resultados da pesquisa do SINAPI de fevereiro de 2012.