Preço do metro quadrado é menor que a inflação em 15 capitais

0
681
Preço médio do metro quadrado no Rio de Janeiro continua o mais caro do Brasil
Preço médio do metro quadrado no Rio de Janeiro continua o mais caro do Brasil

Índice FipeZap aponta que o preço médio do metro quadrado é menor do que a inflação em 15 cidades

O aumento anual do preço médio do metro quadrado anunciado no Brasil desacelerou novamente em abril, pelo quinto mês consecutivo. O FipeZap Ampliado, que acompanha o preço dos imóveis em 16 cidades do Brasil, registrou aumento de 11,8% em comparação com o mesmo mês de 2013. Porém, apenas em Fortaleza (CE) o aumento mensal em abril foi maior do que a variação esperada para o IPCA (que é de 0,80%, segundo o boletim Focus do Banco Central).

Nas outras 15 cidades, a variação mensal foi menor do que o aumento esperado para os demais preços da economia. Esse fato é, tecnicamente, uma queda de preços em termos reais. Nas três capitais da Região Sul, porém, houve queda nominal nos preços.
No acumulado do ano, as 16 cidades registram aumento médio de 2,48%, variação também menor do que a inflação do período, de 2,99%. A cidade de Fortaleza lidera com a maior alta dos preços (+4,04%), enquanto Porto Alegre apresenta a maior queda (-1,63%). Em São Paulo a alta no ano até o momento é de +2,85%, valor muito próximo ao da inflação do período.

Os valores médios do metro quadrado em dezembro ficaram entre R$ 10.538 (Rio de Janeiro) e R$ 3.937 (Vila Velha). Em São Paulo foi de R$ 8.003 e a média das 16 cidades foi de R$ 7.455 (veja Gráfico).

O Índice FipeZap é desenvolvido em conjunto pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) e pelo portal ZAP.

Fonte: Fipe.

fipezap - Preço médio do metro quadrado