Minha Casa, Minha Vida deve ter mais 700 mil moradias

1
326
Terceira etapa do Programa Minha Casa, Minha Vida será lançada em 29 de maio
Terceira etapa do Programa Minha Casa, Minha Vida será lançada em 29 de maio

O governo federal espera contratar até o fim deste ano mais 700 mil casas para alcançar a meta de 2,75 milhões de moradias no Programa Minha Casa, Minha Vida. Desde 2009, quando a iniciativa foi lançada, 1,4 milhão de casas e apartamentos, do total de 3 milhões contratados, foram entregues a famílias de baixa renda em todo o país. Somente na área rural, foram contratadas 100 mil casas até agora.

Governo quer contratar mais 700 mil unidades do Minha Casa, Minha Vida ainda neste ano
Governo quer contratar mais 700 mil unidades do Minha Casa, Minha Vida ainda neste ano

A presidente Dilma Rousseff afirmou em seu programa semanal de rádio que, no caso da zona rural, o Minha Casa, Minha Vida tem regras um pouco diferentes: o crédito é até R$ 30,5 mil para a Região Norte e até R$ 28,5 mil para o restante do país. As famílias com renda até R$ 15 mil por ano pagam 4% do valor do empréstimo em quatro anos e o restante é pago pelo governo federal sob a forma de subsídio.

As famílias que ganham entre R$ 15 mil e R$ 30 mil por ano têm um subsídio do governo federal: R$ 7,61 mil. O restante são elas que pagam. As famílias que ganham entre R$ 30 mil e R$ 60 mil por ano têm acesso a um juro subsidiado de 7,16% ao ano ao tomar um empréstimo da casa própria.

Já na área urbana, conforme ressaltou a presidente, o Minha Casa, Minha Vida financia imóveis para quem ganha até R$ 5 mil, com subsídios de até 96% do valor do imóvel.

Fonte: Agência Brasil.

  • Celso Samuel

    Aprovado esse programa Minha Casa, Minha Vida do governo federal.