Materiais de construção: Indústria prevê investimentos

0
335
Vendas de materiais de construção caem 4,8%.
Vendas caíram 4,8% em fevereiro em relação a janeiro

Setenta e quatro por cento das indústrias do setor de construção pretendem investir nos próximos 12 meses. É o que revela a pesquisa de fevereiro da Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção (ABRAMAT). O levantamento mostrou crescimento de 3% em relação ao último mês (janeiro). Em relação a fevereiro de 2012, o número se manteve o mesmo.

O segundo mês de 2013 manteve o mesmo percentual dos últimos meses (dezembro/12 e janeiro/13) na utilização da Capacidade Industrial, com 82% na média das empresas. No mesmo mês, em 2012, o indicador marcava 83%.

Índustria de de material de construção continua em alta,  segundo a ABRAMAT
Índustria de de material de construção continua em alta, segundo a ABRAMAT

Dentro do desempenho de vendas no curto prazo, no mercado interno, o período atual (fevereiro) apresenta uma média geral Regular, com 2% das empresas informando Muito Bom, 45% Bom, 45% Regular e 8% Ruim.

“A indústria de materiais de construção aponta um crescimento nas pretensões de investimento em função das expectativas sobre novos programas de concessões de rodovias, ferrovias, portos e aeroportos além da boa perspectiva do crescimento do varejo para 2013”, comenta o presidente da ABRAMAT, Walter Cover.