Índice Nacional da Construção Civil sobe 0,69% em abril

0
720
Tribunal de Justiça de Minas Gerais suspendeu o aumento de 150% no ISSQN em BH
Tribunal de Justiça de Minas Gerais suspendeu o aumento de 150% no ISSQN em BH

O Índice Nacional da Construção Civil (Sinapi), calculado pelo IBGE em parceria com a CAIXA, subiu 0,69% em abril, acima 0,51 ponto percentual da taxa de março (0,18%). De janeiro a abril, a alta foi de 1,79%, um pouco aquém de igual período do ano anterior, 1,87%. Nos últimos 12 meses, o Sinapi subiu 5,60.

O custo nacional da construção civil, por metro quadrado, que, no mês de março, fechou em R$ 865,03, em abril passou para R$ 870,97, sendo R$ 457,97 relativos aos materiais e R$ 413,00 à mão de obra.

A parcela da mão-de-obra apresentou variação de 1,37%, subindo 1,23 ponto percentual em relação ao mês anterior (0,14%). Os materiais, no entanto, apresentaram alta de 0,08%, caindo 0,14 ponto percentual, em relação ao mês anterior. Nos quatro primeiros meses do ano, os acumulados são de 2,77% para mão-de-obra e 0,84% para materiais. Em doze meses, os acumulados foram de: 9,10% (mão-de-obra) e 2,63%(materiais).

Região Nordeste registra maior alta 
O Sinapi na Região Nordeste teve a maior alta regional em abril, de 1,05%, Os demais resultados regionais foram: Região Norte (0,14%), Região Sudeste (0,83%), Região Sul (0,01%) e Centro-Oeste (0,38%).

Os custos regionais, por metro quadrado, foram: R$ 882,52 (Norte); e R$ 819,04 (Nordeste), R$ 908,70 (Sudeste); R$ 878,76 (Centro-Oeste) e R$ 870,96 (Sul).

Os custos regionais, por metro quadrado, foram: R$ 882,52 (Norte); e R$ 819,04 (Nordeste), R$ 908,70 (Sudeste); R$ 878,76 (Centro-Oeste) e R$ 870,96 (Sul).

Rio de Janeiro e Bahia 
Devido à pressão exercida pelo reajuste salarial decorrente de acordo coletivo, os Estados do Rio de Janeiro e Bahia registraram as maiores taxas mensais, respectivamente, 3,95% e 3,48%.

Tabela Sinapi  – Abril de 2013