Condomínios: Inadimplência de taxas em BH foi de 10,33% em 2013

0
319
A inadimplência em condomínios da capital paulista cresceu 21,15% em abril
A inadimplência em condomínios da capital paulista cresceu 21,15% em abril

Levantamento da CMI/Secovi-MG mostra que reajuste no período foi de 10%. Pesquisa foi feita em mil prédios residenciais e comerciais da capital mineira no ano passado

Média de inadimplência em condomínios da capital mineira foi de 10,33% em 2013
Média de inadimplência em condomínios da capital mineira foi de 10,33% em 2013

A média de inadimplência no pagamento das taxas de condomínios em Belo Horizonte, no ano passado, foi de 10,33%, segundo levantamento realizado pela Câmara do Mercado Imobiliário (CMI/Secovi-MG). A pesquisa mostra que os maiores índices foram registrados em fevereiro (11,48%) e dezembro (11,61%). O estudo foi feito levando em consideração cerca de mil condomínios residenciais e comerciais na capital mineira.

A entidade também pesquisou as médias de reajustes nas taxas condominiais em 2013. Para isso, foram avaliados aproximadamente mil prédios residenciais e comerciais de alto, médio e baixo padrões. A média de reajuste ficou em 10% durante o ano. No entanto, alguns prédios que estavam com defasagem financeira ou com inadimplência elevada chegaram a reajustar o valor em 30% para obter o equilíbrio financeiro.

Em relação ao valor das taxas de condomínios, segundo pesquisa realizada pela CMI/Secovi-MG e Ipead/UFMG em janeiro deste ano, moradores de imóveis populares de um quarto, pagaram em média, R$ R$ 76,25. Nos apartamentos de luxo (com quatro quartos e mais de dois banheiros), a média mensal foi de R$ 956,67.

Médias das taxas de condomínio (R$) por classe de bairros(*), janeiro de 2014

Condomínio BH

(*) O valor entre parênteses representa o número de imóveis utilizados no cálculo da respectiva média. Na maioria das vezes, somente são publicados valores médios obtidos a partir de quatro imóveis pesquisados. Os casos em que não foi pesquisado nenhum imóvel são indicados por hífen (-). FONTE: CMI/Secovi-MG e Fundação IPEAD/UFMG.

Leia mais sobre inadimplência em condomínios.