Como escolher a porta ideal?

0
334

Além de permitir a entrada das pessoas e proteger o lar, as portas têm o poder de marcar a decoração

Há uma velha máxima que diz: a primeira impressão é a que fica. Sendo assim, a porta de entrada é o cartão de visita da casa. Cabe a este item a primeira impressão que as pessoas têm sobre o lar. É, inclusive, o estilo da porta que revela ao visitante o que ele vai encontrar depois que girar a maçaneta, ou seja, qual a decoração existente no interior da residência.

Compradas prontas ou encomendadas sob medida, as portas têm o poder de marcar a decoração. Na hora de escolher este componente, que além de dar um toque especial ao projeto também vai proteger o lar, é preciso ficar atento a alguns detalhes. “É muito importante especificar as portas dentro das normas da ABNT NBR e pensar na acessibilidade de portadores de necessidades especiais”, recomenda a arquiteta Flávia Soares.

Outra dica é escolher o modelo ideal só depois de ter um projeto que defina o estilo a ser utilizado, já que o mercado oferece inúmeras opções: “O projeto vai dizer se a porta precisa ser fabricada ou se pode ser utilizado um modelo disponível. As portas compradas prontas possuem tamanhos padronizados e devem ser adequadas às medidas indicadas no planejamento”, ressaltam as arquitetas Patrícia Guerra e Roziane Faleiro.

Definidas e compradas, chega a hora de fazer a instalação. Segundo Flávia, os cuidados durante esta etapa vão variar dependendo do tipo da porta, porém ela adverte que estas precisam ficar dentro do esquadro. Patrícia Guerra e Rosiane Faleiro chamam a atenção para outro item: a vedação. “Na instalação, é importante garantir uma boa vedação para que se tenha um funcionamento adequado”, ressaltam.

Quando as portas são de madeira, a atenção deve ser especial. “As portas de madeira necessitam ser seladas com verniz ou pintura com acabamento e proteção. Além disso, as manutenções devem ser periódicas”, ensinam Patrícia e Roziane. Flávia também destaca a importância do verniz: “A aplicação de um verniz protetor é indispensável. Ele protege a madeira e evita que esta adquira manchas com facilidade”.

Patrícia e Rosiane finalizam com mais uma dica, agora para deixar a decoração impecável. “O ideal é que as portas sigam a mesma tendência em todo o projeto. No entanto, pode-se usar um estilo nas portas que ficam na parte externa e outro diferente nas que ficam na parte interna da casa”.  Vale lembrar que a porta principal, aquela que permite o acesso a casa, deve ser de um modelo diferente, pode-se ousar um pouco mais para valorizar a arquitetura de todo o imóvel.